Geestão de residuos: natureza verde
A EMPRESA

A forte dinâmica organizacional exige que as questões ambientais sejam parte integrante da política de gestão. A Natureza Verde – Gestão de Resíduos, Lda. assume-se como um parceiro estratégico, desenvolvendo soluções específicas para cada área de negócio, de acordo com as necessidades dos seus Parceiros.

Fundada em 2000, com sede em Leiria, a Natureza Verde iniciou a sua atividade na área de limpeza e desobstrução de sistemas de saneamento. Nos últimos anos, desenvolvendo atividade em todo o território nacional, tem apostado continuamente na inovação e na qualidade dos serviços que presta tornando-se uma referência no mercado onde opera. O crescimento fez-se pelo desenvolvimento enquanto operador de gestão de resíduos incorporando serviços de valor acrescentado nas vertentes de consultoria ambiental implementação de sistemas de gestão, com o complemento dos produtos de proteção ambiental.

A constituição de uma equipa de elevada formação académica e de valores humanos diferenciados a par com o esforço constante de formação dos seus quadros e o enfoque nas relações de proximidade permite criar uma capacidade ímpar de antecipar e responder ao Mercado de forma eficiente.

Geestão de residuos: natureza verde

QUALIDADE

De forma a consolidar a sua estrutura organizacional, cujo ideal é responder de forma ativa e pronta às necessidades dos clientes, assim como às exigências do mercado atual, a Natureza Verde é uma empresa certificada no âmbito do Sistema de Gestão da Qualidade de acordo com a Norma NP ISO 9001:2015.

Utilizando os recursos e as metodologias disponíveis, procurará refletir sempre na prestação dos seus serviços, a sua qualidade, comprometendo-se ainda a seguir e a cumprir as diretrizes adotadas e os objetivos de gestão definidos.


Geestão de residuos: natureza verde

NOTÍCIAS

  • 24 AGOSTO 2020

    Nos artigos publicados anteriormente temos abordado várias temáticas específicas relacionadas, quer com a gestão de resíduos, assim como com a gestão ambiental. No presente artigo técnico vamos alertar para os 7 principais erros da gestão de resíduos. A boa gestão dos resíduos nas organizações implica a adoção de uma série de cuidados, que deverão ser tidos em conta, de modo a garantir o cumprimento dos requisitos legais estabelecidos. Deste modo, torna-se fundamental refletir acerca dos principais erros que ocorrem na gestão de resíduos e verificar se alguma das situações seguidamente elencadas poderão estar a ocorrer na sua empresa.

    Faça o pedido do Artigo ou Consulte-o nas Redes Sociais.

    Para mais informações consulte-nos.
  • 17 AGOSTO 2020

    A gestão ambiental nas oficinas de manutenção automóvel reveste-se de particular importância e sensibilidade, devido às caraterísticas da atividade e os seus possíveis impactes ambientais. Não que a atividade em si se caraterize como produtora de grandes quantidades de resíduos, efluentes líquidos ou emissões gasosas, como é uma atividade industrial, mas sobretudo poder ser geradora de resíduos ou efluentes classificados como perigosos para o ambiente.

    Para uma oficina automóvel garantir uma boa gestão ambiental é fundamental que desde logo garanta que se encontra registada na Plataforma SILiAmb, e que possui o seu estabelecimento ou estabelecimentos criados. Importa perceber que o registo da empresa na Plataforma se faz por número de contribuinte, podendo um número de contribuinte possuir múltiplos estabelecimentos. O estabelecimento deverá ter o perfil completo nomeadamente em termos de resíduos, recursos hídricos, emissões atmosféricas e deverá verificar-se sempre a correta georreferenciação. Finalmente deverá assegurar que todas as informações fornecidas se encontram atualizadas e corretas, caso a informação não esteja correta poderão ser entendidas pelas entidades fiscalizadoras como informações falsas.

    Faça o pedido do Artigo ou Consulte-o nas Redes Sociais.

    Para mais informações consulte-nos.
  • 30 JULHO 2020

    A Portaria n.º 145/2017, de 26 de abril, alterada pela Portaria n.º 28/2019, de 18 de janeiro cria as guias eletrónicas de acompanhamento de resíduos (eGAR) substituindo os modelos n.º 1428 e n.º 1429 (para Resíduos Hospitalares dos Grupos III e IV) da Imprensa Nacional-Casa da Moeda (INCM) e as Guias específicas para os Resíduos de Construção e Demolição.

    As guias eletrónicas de acompanhamento de resíduos permitem, também, a substituição dos formulários para transporte de mercadorias perigosas, sempre que o transporte de resíduos esteja abrangido por ADR (Acordo europeu relativo ao transporte Internacional de mercadorias Perigosas por Estrada).

    Tal com as guias em papel, as eGAR destinam-se a acompanhar os resíduos no seu trajeto entre duas localizações físicas, dentro do território nacional.

    Deste modo antes de ocorrer qualquer transporte de resíduos (salvo nas situações em que o mesmo se encontra isento de eGAR) é impreterível a Emissão de uma ou várias eGAR. O produtor/detentor dos resíduos é o responsável pela correta emissão das eGAR sendo o responsável pela veracidade do seu conteúdo.

    Consulte o Artigo Completo nas Redes Sociais.

    Para mais informações consulte-nos.
  • 09 JULHO 2020

    Verdadeiramente não é possível dissociar a separação de resíduos da sua classificação, pois é esta articulação que permite dar resposta aos normativos legais, nomeadamente em termos de acondicionamento e de envio dos resíduos para tratamento.

    De acordo com a legislação a responsabilidade de classificação dos resíduos é sempre do produtor, e caso os resíduos estejam a ser encaminhados com uma classificação incorreta, o produtor será o único responsável. Assim, recomenda-se que as empresas conheçam os seus resíduos e percebam o modo como se realiza a sua classificação, de modo a garantirem que se encontram bem classificados. 

    Consulte o Artigo Completo nas Redes Sociais.

    Para mais informações consulte-nos.
  • 18 JUNHO 2020

    O Código do Imposto sobre o Valor Acrescentado (CIVA) após 2006 passou a prever uma regra especial denominada a inversão do sujeito passivo.

    Esta regra aplica-se à transmissão de desperdícios, resíduos e sucatas e de certas prestações de serviços relacionadas que cumpram a condição essencial de serem produtos recicláveis.

    Sucata é definida como qualquer resíduo cuja utilização per si é inviável para o seu fim inicial, sendo no entanto reciclável e passível de utilização noutros processos produtivos.

    Com base na definição anterior não é considerada sucata ou resíduo a mercadoria usada, mesmo que danificada, que ainda possa ser utilizada para o seu fim original.

    As sucatas (contrariamente à ideia comum de considerar sucata somente a metálica) mais conhecidas são: metais ferrosos, metais não-ferrosos, sucata de plástico, sucata de papel e papelão.

    O Anexo E ao CIVA descreve uma lista de bens e serviços abrangidos pela regra de inversão do sujeito passivo (art, 2º, n.º1, al. i do CIVA). A aplicação da regra da inversão do sujeito passivo leva a que a liquidação do IVA devido passe a ser efetuada pelo respetivo adquirente, desde que sujeito passivo do imposto com direito à dedução total ou parcial.

    Consulte o Artigo Completo nas Redes Sociais.

    Para mais informações consulte-nos.
  • 12 JUNHO 2020

    A NATUREZA VERDE garantiu este mês a renovação da certificação do seu Sistema de Gestão de Qualidade, de acordo com a norma internacional ISO 9001:2015.

    A renovação do certificado de qualidade reveste-se de grande importância para a consolidação da NATUREZA VERDE no mercado onde opera, demonstrando de forma consistente a conformidade do sistema de gestão implementado, o cumprimento dos requisitos legais e regulamentares aplicáveis, bem como o cumprimento dos objetivos e a realização da política da qualidade.

    A renovação do certificado foi o culminar de um processo de auditoria, que decorreu durante os meses de maio e junho, em todos os departamentos da empresa. A certificação de acordo com a norma ISO 9001 foi obtida pela primeira vez em 2005.

    Para mais informações consulte-nos.
  • 04 MAIO 2020

    Num período de desconfinamento com a esperada reabertura faseada da economia, muitos dos colaboradores dos Departamentos Técnicos Ambientais vão permanecer ainda em teletrabalho com a produção/serviços em funcionamento com maior ou menor volume de trabalho, o que lança desafios à dinâmica ambiental das empresas dentro da sua especificidade e dos profissionais que atuam neste setor. Obriga-nos ao renovar do compromisso com os projetos, à dedicação, à reinvenção e à inovação nas nossas funções e desempenho.

    A lista resumida de 14 sugestões de trabalho constitui um ponto de partida para que possa ser individualmente transformada numa poderosa ferramenta neste processo de recomeço.

    Consulte o Artigo Completo nas Redes Sociais.

    Para mais informações consulte-nos.
  • 19 DEZEMBRO 2019

    É com agrado que renovamos o Estatuto de PME Líder em 2019.

    Para mais informações consulte-nos.
  • 21 NOVEMBRO 2019

    A Natureza Verde concluiu o ciclo 2019 de sessões de esclarecimento dirigidas às empresas e operadores económicos sobre as temáticas ambientais nos seus diversos descritores.

    No balanço é de destacar a diversidade de setores, a heterogeneidade de empresas envolvidas e as estratégias personalizadas para dar cumprimento aos requisitos ambientais. Momentos de partilha de conhecimentos, discussão de ideias, otimização de procedimentos e aprendizagem de todos os intervenientes.

    Iniciaremos novo ciclo já em 2020 a ser divulgado oportunamente.

     

    Para mais informações consulte-nos.
  • 01 OUTUBRO 2019
    A 27 de setembro de 2019 marcámos o 6º Encontro Natureza Verde. Mais que um encontro de união e amizade tornou-se uma oportunidade para viajar no tempo, aos olhos de hoje, experienciando a cultura templária, das mais diversas formas. No recinto do Convento de Cristo encontrámos cenários e personagens da época em contacto com as artes, ofícios, sabores e hábitos da Idade Média.
    Para mais informações consulte-nos.
  • 03 JUNHO 2019

    A 2 de junho realizámos a 5ª Caminhada Natureza Verde em celebração do Dia Mundial do Ambiente.

    Gratos pela vossa participação e colaboração!

    Para mais informações consulte-nos.
  • 02 OUTUBRO 2018

    A 21 de setembro de 2018 celebrámos o 5º Encontro Natureza Verde num momento de partilha e de experiências ímpares onde valorizamos as relações e os valores pessoais.

    A Natureza Verde é uma marca que faz parte das nossas vidas, valorizamos conhecê-lo e queremos que nos conheça.

    Para mais informações consulte-nos.
  • 03 SETEMBRO 2018

    Depois do êxito da última edição, a MECÂNICA – Salão do Aftermarket, Equipamento Oficinal e Logística decorre novamente em Lisboa, na FIL, de 26 a 28 de Outubro de 2018.

    Este ano, o certame irá contar com mais espaço de exposição e com um novo setor: a Logística. 

    A Natureza Verde marcará novamente presença com a resposta às necessidades do setor.

     

    Para mais informações consulte-nos.
  • 06 JUNHO 2018

    A Qualidade permite à Natureza Verde – Gestão de Resíduos, Lda. consolidar a sua estrutura organizacional, respondendo de forma ativa e pronta às necessidades dos clientes, assim como, às exigências do mercado atual.

    A Natureza Verde – Gestão de Resíduos, Lda. tem como política, através de um processo dinâmico, que envolva os seus colaboradores e o meio envolvente:

    █     Atuar com a maior eficácia e eficiência

    █     Responder aos seus clientes no menor espaço de tempo possível e ao menor custo para os mesmos

    █     Satisfazer e se possível exceder as expectativas dos seus clientes

    █     Cumprir as diretrizes adotadas, objetivos de gestão, assim como requisitos legais, dos clientes e de outras partes interessadas.

    Desta forma a Natureza Verde – Gestão de Resíduos, Lda. está empenhada em desenvolver um processo de melhoria contínua de acordo com a NORMA NP ISO 9001:2015.

    Para mais informações consulte-nos.
  • 21 MAIO 2018

    1. Enquadramento Legal

    A partir de 25 de maio de 2018 passa a ser aplicável o Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados Pessoais – Regulamento nº 2016/679 do Parlamento Europeu e do Conselho, de 27 de abril de 2016, que estabelece as regras relativas à proteção, tratamento e livre circulação dos dados pessoais das pessoas singulares e que se aplica diretamente a todas as entidades que procedam ao tratamento desses dados, em qualquer Estado membro da União Europeia, nomeadamente Portugal. O objetivo desta comunicação é dar-lhe a conhecer as novas regras aplicáveis ao tratamento dos seus dados pessoais, os direitos que lhe assistem, assim como informá-lo da forma como pode gerir, diretamente e de forma simples, os respetivos consentimentos.

     

    2. Responsável pelo Tratamento de Dados

    A Natureza Verde – Gestão de Resíduos, Lda., pessoa coletiva n.º 505 196 310, com sede em Outeiro da Rosa – Boa Vista – 2420-397 Leiria, é a responsável pelo tratamento dos seus dados pessoais, comprometendo-se a processá-los com total transparência e no estrito respeito pela reserva da vida privada, bem como pelos direitos, liberdades e garantias fundamentais, zelando pelo integral cumprimento da Lei da Proteção de Dados Pessoais, podendo ser contactada através do telefone 244 801 700 ou email naturezaverde@naturezaverde.pt.

     

    3. Dados Pessoais

    Os nossos registos incluem dados que foram obtidos ao longo da relação contratual que estabeleceu connosco e na sequência das diversas interações realizadas com a Natureza Verde, nomeadamente através do preenchimento dos diversos registos ou formulários de contacto disponíveis. Ao enviar os seus dados para a Natureza Verde, quer ao registar-se quer ao contactar, está a exprimir a sua autorização relativamente ao processamento dos seus dados pessoais nos termos previstos nesta “Política de Proteção de Dados”.

     

    4. Tratamento dos Dados

    Para além das situações em que tratamos dados para cumprimento de imposições legais, tratamos os seus dados para as seguintes finalidades:

    - Prestação de serviços - Sempre que necessário, para lhe prestarmos os nossos serviços, tratamos os seus dados pessoais. Para além desta finalidade os seus dados serão ainda tratados para prestação de serviços de terceiros, quando o tenha expressamente consentido.

    - Efeitos de marketing - Os seus dados pessoais, localização geográfica, perfil são igualmente tratados, para fins de marketing ou divulgação de ofertas de bens ou serviços da Natureza Verde. Estas comunicações pretendem dar-lhe a conhecer novidades, promoções, campanhas, serviços informativos e outras oportunidades de que poderá beneficiar.

     

    A Natureza Verde conservará os seus dados pessoais pelo período necessário à prestação dos serviços, respetiva faturação e cumprimento das obrigações legais.

     

    Em qualquer momento, tem o direito de aceder aos seus dados pessoais, bem como, dentro dos limites do contratualizado e do Regulamento, de os alterar, opor-se ao respetivo tratamento, decidir sobre o tratamento automatizado dos mesmos, retirar o consentimento e exercer os demais direitos previstos na lei (salvo quanto aos dados que são indispensáveis à prestação dos serviços pela Natureza Verde, portanto de fornecimento obrigatório, ou ao cumprimento de obrigações legais a que a Natureza Verde esteja sujeita). Caso retire o seu consentimento, tal não compromete a licitude do tratamento efetuado até essa data.

     

    5. Dados Sensíveis

    Os dados solicitados para a atuação da Natureza Verde não são considerados, à luz da legislação aplicável como dados sensíveis, não sendo, por conseguinte, aplicáveis às inerentes restrições.

     

    6. Circulação de Dados

    Os seus dados pessoais podem ser comunicados a prestadores de serviços da Natureza Verde, para efeitos da prestação dos serviços, e a autoridades judiciais, fiscais e regulatórias, com a finalidade do cumprimento de imposições legais.

     

    7. Acesso, Retificação e Eliminação de Dados

    É-lhe conferido o direito de obter, livremente e sem restrições, com a periodicidade desejável, de forma rápida e gratuita, informação sobre os seus dados e respetivo tratamento. A qualquer momento poderá, também, gratuitamente, retificar e eliminar os dados fornecidos à Natureza Verde. Para os referidos efeitos, bastará enviar um e-mail para o endereço naturezaverde@naturezaverde.pt, dando conta da sua pretensão fazendo prova da sua identificação.

     

    8. Segurança dos Dados

    Estamos empenhados na proteção e confidencialidade dos seus dados pessoais. Tomámos as medidas técnicas e organizativas padrão de segurança necessárias ao cumprimento do Regulamento, garantindo que o tratamento dos seus dados pessoais é lícito, leal, transparente e limitado às finalidades autorizadas. Adotámos as medidas que consideramos adequadas para assegurar a exatidão, integridade e confidencialidade dos seus dados pessoais, bem como todos os demais direitos que lhe assistem.

    Exceto em caso de dolo ou de culpa grave, a Natureza Verde não é responsável por eventuais prejuízos que possa sofrer devido a qualquer perda, acesso não autorizado, uso indevido ou alteração dos dados recolhidos, imputável à conduta não autorizada ou fraudulenta de terceiros.

     

    9. Atualizações

    A Natureza Verde manterá a informação desta “Política de Dados Pessoais” atualizada que poderá ser consultada no nosso sítio da internet www.naturezaverde.pt.

     

    10. Autoridade de Controlo

    Nos termos legais, o titular dos dados tem o direito a apresentar reclamação junto da Comissão Nacional de Proteção de Dados ou outra autoridade de controlo que seja designada pelo ordenamento jurídico em vigor.                                                                                             

    17 de maio de 2018

    Para mais informações consulte-nos.
  • 03 JANEIRO 2018

    Com a publicação da Portaria n.º 145/2017 de 26 de Abril, são alteradas as regras do transporte de resíduos, em território nacional.

    A 1 de janeiro de 2018 termina a possibilidade de emissão de guias de acompanhamento de resíduos em formato de papel (GAR – Modelo A) e torna obrigatória a utilização de guias eletrónicas de resíduos (eGAR).

    REQUISITOS A CUMPRIR

    ।       Registo obrigatório do Produtor na Plataforma SILIAMB (https://siliamb.apambiente.pt/)

    ।       Emissão de uma eGAR para cada código de resíduo transportado e para cada código de operação de gestão de resíduos

    ।       Transporte dos resíduos acompanhado da eGAR em estado Emitido e devidamente legível (papel ou dispositivo digital)

    SERVIÇO DE APOIO

    Caso necessite de apoio, no seu registo SILIAMB, emissão de eGAR ou obrigações ambientais acessórias, poderá contactar o nosso Departamento Técnico e Comercial, de modo a apresentarmos as nossas soluções de Consultoria Ambiental.

    Para mais informações consulte-nos.
  • No cumprimento do Artigo 18º da Lei n.º 144/2015, de 8 de setembro, informamos que a Natureza Verde aderiu ao CNIACC - Centro Nacional de Informação e Arbitragem de Conflitos de Consumo.

    Morada: Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa - Campus de Campolide - 1099-032 Lisboa.

    Telefone: 213 847 484

    Email: cniacc@fd.unl.pt

    Site: www.arbitragemdeconsumo.org e www.facebook.com/cniacc

    Para mais informações consulte-nos.

Geestão de residuos: natureza verde